IMC - Peso Ideal

Muitas pessoas querem saber a resposta para esta pergunta: quanto eu deveria pesar? Porém, não existe um peso ideal saudável para cada pessoa, pois vários fatores devem ser levados em conta.

Estes incluem idade, relação entre músculo e gordura, altura, sexo e distribuição da gordura corporal e também forma do corpo.

Ter excesso de peso pode aumentar o risco de uma pessoa desenvolver uma série de condições de saúde, incluindo obesidade, diabetes tipo 2, hipertensão arterial e problemas cardiovasculares.

Nem todos que possuem peso extra desenvolvem problemas de saúde. No entanto, os pesquisadores acreditam que, embora esses quilos extras possam não afetar a saúde de uma pessoa atualmente, a falta de controle pode levar a problemas no futuro.

Continue lendo para saber mais sobre quatro maneiras de trabalhar o seu peso ideal.

Método 1 – Índice de Massa Corporal (IMC)

O IMC leva em conta o peso e a altura, mas não a composição corporal.

O Índice de Massa Corporal (IMC) é uma ferramenta comum para definir se uma pessoa tem um peso corporal adequado. Ele mede o peso de uma pessoa em relação à sua altura.

De acordo com o Ministério da Saúde:

  • Um IMC abaixo de 18,5 indica que a pessoa está abaixo do peso;
  • Um IMC entre 18,5 e 24,9 é considerado ideal;
  • Um IMC entre 25 e 29,9 indica sobrepeso;
  • Um IMC acima de 30 é sinal de obesidade.

Calculadora de IMC

Para calcular o IMC, você pode utilizar a nossa calculadora disponível abaixo:

Powered by YAZIO

Tabela de guia de peso ideal de acordo com a altura

A tabela abaixo se baseia nesta tabela, que foi criada pelo Instituto Nacional de Saúde dos Estados Unidos e convertida para as medidas usadas no Brasil:

AlturaPeso
 NormalSobrepesoObesidadeObesidade Severa
1,4741,2 a 52,1 kg54,0 a 62,6 kg64,8 a 84,3 kg86,6 a 117,0 kg
1,4942,6 a 54,0 kg56,2 a 64,8 kg67,1 a 87,5 kg89,8 a 121,1 kg
1,5244,0 a 55,8 kg58,0 a 67,1 kg69,4 a 90,2 kg92,5 a 125,2 kg
1,5545,3 a 57,6 kg59,9 a 69,4 kg71,6 a 93,44 kg95,7 a 129,3 kg
1,5747,1 a 59,4 kg61,7 a 71,7 kg74,4 a 96,6 kg98,9 a 133,8 kg
1,6048,5 a 61,2 kg64,0 a 73,9 kg76,6 a 99,8 kg102,0 a 137,9 kg
1,6249,9 a 63,5 kg65,8 a 76,6 kg78,9 a 103,0 kg105,2 a 142,4 kg
1,6551,7 a 65,3 kg68,0 a 78,9 kg81,6 a 106,1 kg108,8 a 147,0 kg
1,6753,5 a 67,1 kg70,3 a 81,2 kg84,3 a 109,3 kg112,0 a 151,5 kg
1,7054,9 a 69,4 kg72,1 a 83,9 kg86,6 a 113,0 kg115,7 a 156,0 kg
1,7256,7 a 71,6 kg74,4 a 86,2 kg89,3 a 116,1 kg118,8 a 160,6 kg
1,7558,0 a 73,5 kg76,7 a 88,9 kg92,1 a 119,3 kg122,4 a 165,5 kg
1,7859,9 a 75,7 kg78,9 a 91,6 kg94,8 a 122,9 kg126,1 a 170,5 kg
1,8061,7 a 78,0 kg81,2 a 94,3 kg97,5 a 126,5 kg129,7 a 175,1 kg
1,8363,5 a 80,3 kg83,5 a 96,6 kg100,2 a 130,2 kg133,3 a 180,1 kg
1,8565,3 a 82,5 kg85,7 a 99,3 kg103,0 a 133,8 kg137,0 a 185,0 kg
1,8867,1 a 84,3 kg88,0 a 102,0 kg105,7 a 137,4 kg141,0 a 190,5 kg
1,9068,9 a 87,1 kg90,7 a 105,2 kg108,9 a 141,0 kg144,7 a 195,5 kg
1,9370,8 a 89,35 kg93,0 a 108,0 kg111,6 a 145,1 kg148,8 a 200,1 kg
IMC19 a 2425 a 2930 a 3940 a 54
Veja também:  O que é TDAH?

Qual é o problema com o IMC?

O IMC é uma medida muito simples. Embora leve em consideração a altura, ele não leva em consideração fatores como:

  • medidas de cintura ou quadril;
  • proporção ou distribuição da gordura;
  • proporção de massa muscular;
  • Estes também podem ter um impacto na saúde.

Atletas de alto rendimento, por exemplo, tendem a estar muito em forma e têm pouca gordura corporal. Eles podem ter um IMC alto porque têm mais massa muscular, mas isso não significa que estejam acima do peso.

O IMC pode oferecer uma ideia aproximada sobre se o peso de uma pessoa é ou não saudável, e é útil para medir tendências em estudos populacionais. Entretanto, não deve ser a única medida para um indivíduo avaliar se o seu peso é ou não o ideal.

Método 2: Relação cintura/quadril (WHR)

A relação entre cintura e quadril (RCQ) de uma pessoa pode dar uma ideia se ela tem mais gordura abdominal do que o que é considerado saudável.

A medida da cintura de uma pessoa compara o tamanho da cintura com o dos quadris. Pesquisas têm mostrado que as pessoas que têm mais gordura corporal ao redor do meio são mais propensas a desenvolver doenças cardiovasculares e diabetes.

Quanto mais alta a medida da cintura em proporção aos quadris, maior o risco.

Por esta razão, a relação cintura/quadril (RCQ) é uma ferramenta útil para calcular se uma pessoa tem um peso e tamanho saudáveis.

Meça sua relação cintura/quadril

  1. Meça ao redor da cintura na parte mais estreita, geralmente logo acima do umbigo.
  2. Divida esta medida pela medida ao redor do quadril na sua parte mais larga.

Se a cintura de uma pessoa for de 70 centímetros e seus quadris de 90 centímetros, ela dividirá 70 por 90. Isto lhes dará 0,77.

O que isso significa?

Como a RCQ afeta o risco de doença cardiovascular de maneira diferente para homens e mulheres, pois eles tendem a ter formas corporais diferentes.

Veja também:  Como o açúcar afeta a depressão?

As evidências sugerem que a RCQ pode impactar o risco de DCV da seguinte forma:

Nos homens

  • Abaixo de 0,9: O risco de problemas de saúde cardiovascular é baixo.
  • De 0,9 a 0,99: O risco é moderado.
  • A partir de 1,0: O risco é alto.

Nas mulheres

  • Abaixo de 0,8: O risco é baixo.
  • De 0,8 a 0,89: O risco é moderado.
  • A partir de 0,9: O risco é alto.

No entanto, estes números podem variar, dependendo da fonte e da população a que se aplicam.

A RCQ pode ser um melhor preditor de ataques cardíacos e outros riscos à saúde do que o IMC, que não leva em consideração a distribuição de gordura.

Um estudo de registros de saúde de 1.349 pessoas em 11 países, publicado em 2013, mostrou que aqueles com RCQ mais alta também têm maior risco de complicações médicas e cirúrgicas relacionadas à cirurgia colorretal.

Entretanto, a RCQ não mede com precisão o percentual de gordura corporal total de uma pessoa, nem a relação músculo-gordura.

Método 3: Relação cintura/altura

A relação cintura/altura (RCA) é outra ferramenta que pode prever o risco de doença cardíaca, diabetes e mortalidade geral de forma mais eficaz do que o IMC.

Uma pessoa cuja medida da cintura é inferior à metade da sua altura tem um risco menor de uma série de complicações de saúde que ameaçam a vida.

Meça sua relação cintura/altura

A altura de uma pessoa deve ser pelo menos o dobro da medida da cintura para uma RCA saudável.

Para calcular a RCA, a pessoa deve dividir o tamanho da cintura pela sua altura. Se o resultado for 0,5 ou menos, as chances são de que a pessoa tenha um peso saudável.

  • Uma mulher com 1,63m de altura deve ter uma medida de cintura abaixo de 81cm.
  • Um homem 1,83m de altura deve ter uma medida de cintura abaixo 91 cm.

Estas medidas darão uma RCA de pouco menos de 0,5.

Em um estudo publicado em 2014 na revista científica Plos One, os pesquisadores concluíram que a RCA era um melhor preditor de mortalidade do que o IMC.

Os autores também citaram resultados de outro estudo – envolvendo estatísticas para cerca de 300.000 pessoas de diferentes etnias – que concluiu que o RCTH é melhor do que o IMC na previsão de infartos, derrames, diabetes e hipertensão arterial.

Isto sugere que a RCA poderia ser uma ferramenta de triagem útil.

Medidas que levam em conta o tamanho da cintura podem ser bons indicadores dos riscos à saúde de uma pessoa, pois a gordura que se acumula ao redor do meio pode ser prejudicial para o coração, rins e fígado.

O Ministério da Saúde observa que um homem com cintura de 94 cm ou mais, ou uma mulher com cintura de 80 cm ou mais tem um risco maior do que outras pessoas de:

  • diabetes tipo 2;
  • pressão arterial alta;
  • doença arterial coronariana.
Veja também:  A Hidroxicloroquina pode tratar COVID-19?

Isto, no entanto, não leva em consideração a altura ou o tamanho do quadril de uma pessoa.

Método 4: Percentual de gordura corporal


O percentual de gordura corporal é o peso da gordura de uma pessoa dividido pelo seu peso total.

A gordura corporal total inclui a gordura essencial e a gordura de armazenamento.

Gordura essencial: Uma pessoa precisa de gordura essencial para sobreviver. Ela desempenha um papel em uma ampla gama de funções corporais. Para os homens, é saudável ter 2 a 4% de sua composição corporal como gordura essencial. Para as mulheres, o valor é de 10 a 13%, segundo o Conselho Americano de Exercício (ACE).

Gordura de armazenamento: O tecido gorduroso protege os órgãos internos do peito e do abdômen, e o corpo pode usá-lo se necessário para energia.

Além das diretrizes aproximadas para homens e mulheres, o percentual ideal de gordura total pode depender do tipo de corpo ou do nível de atividade de uma pessoa.

A ACE recomenda as seguintes porcentagens:

Nível de AtividadeHomensMulheres
Atletas6–13%14–20%
Não atletas em forma14–17%21–24%
Aceitável18–25%25–31%
Sobrepeso26–37%32–41%
Obesidade38% ou mais42% ou mais

Uma alta proporção de gordura corporal pode indicar um risco maior de:

  • diabetes;
  • cardiopatia;
  • pressão arterial alta;
  • AVC.

O cálculo do percentual de gordura corporal pode ser uma boa maneira de medir o nível de aptidão física de uma pessoa, pois reflete a composição corporal da pessoa. O IMC, ao contrário, não faz distinção entre gordura e massa muscular.

Como medir a gordura corporal

Os paquímetros medem a gordura corporal. O resultado pode dar uma indicação se uma pessoa é suscetível de ter certos riscos à saúde.

As formas mais comuns de medir o percentual de gordura corporal é usar uma medida de dobra da pele, que usa paquímetros especiais para beliscar a pele.

O profissional de saúde irá medir o tecido da coxa, abdômen, peito (para homens) ou antebraço (para mulheres). As técnicas proporcionam uma leitura precisa em torno de 3,5 por cento, de acordo com a ACE.

Outras técnicas incluem:

  • medição hidrostática da gordura corporal, ou “pesagem subaquática”;
  • densitometria do ar, que mede o deslocamento do ar;
  • absorptiometria de raios X de dupla energia (DXA);
  • análise de impedância bioelétrica.

Nenhuma delas pode dar uma leitura 100 por cento precisa, mas as estimativas são próximas o suficiente para dar uma avaliação razoável.

Muitas academias e consultórios médicos possuem dispositivos para medir o percentual de gordura corporal de uma pessoa.

Conclusão

O Índice de Massa Corporal (IMC), a Relação Cintura/Quadril (RCQ), Relação Cintura/Altura (RCA) e Percentual de Gordura Corporal são quatro formas de avaliar um peso saudável.

Combiná-las pode ser a melhor maneira de se ter uma ideia precisa sobre se você deve ou não considerar a tomada de medidas.

Qualquer pessoa que esteja preocupada com seu peso, tamanho da cintura, ou composição corporal deve falar com um médico ou nutricionista. Eles serão capazes de aconselhar sobre as opções adequadas.

One Thought to “Qual é o meu peso ideal de acordo com minha altura e idade?”

  1. […] ser capaz de prevenir o início do diabetes tipo 2. A Federação Mundial de Obesidade sugere que o IMC e a obesidade representam cerca de 60%  do risco de desenvolver diabetes tipo […]

Leave a Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.